Evento paralímpico reúne atletas da Solar

Os colaboradores são membros do Apite Solar, projeto da companhia para a inclusão de pessoas com deficiência no trabalho e esporte.

 

O maior evento paralímpico “open” do Brasil aconteceu nos dias 15 e 16 de novembro em Fortaleza (CE), no Clube do Náutico. Foi a 11ª edição do Meeting Cearense de Paranatação, que reuniu mais de 200 paratletas de natação. Vários desses tantos atletas eram colaboradores da Solar Coca-Cola, membros do Apite Solar, projeto da companhia para a inclusão de pessoas com deficiência no trabalho e esporte.

Para além do orgulho de ter uma diversidade de atletas solares, o evento também contou com um colaborador Solar na organização, o Henrique Gurgel, que também é presidente fundador da Associação Cearense do Esporte Adaptado (ACEA Brasil). Para ele, ter um evento desse porte no nosso Estado “faz com que tenhamos mais competitividade para ir a outros eventos, tendo em vista que este evento reúne atletas de alta performance de todo país”.

Henrique falou também do contentamento de estar vinculado à Solar, uma empresa que acredita e incentiva a prática esportiva, por, de acordo com ele “é importante termos este olhar atento para o esporte e a inclusão de pessoas com deficiência neste universo”, disse.

Mais sobre o evento
O evento foi realizado pela Federação Cearense de Desportos Aquáticos (FCDA) e pela Associação Cearense do Esporte Adaptado (ACEA). As provas foram divididas entre os turnos da manhã e tarde. Pelo menos 25 entidades de desporto adaptado, de 11 estados do Brasil, estiveram presentes. Trata-se de uma competição pioneira no Brasil e tem o objetivo de desenvolver os atletas cearenses para uma futura participação nas Paralimpíadas de 2020.

Apite Solar
O Apite Solar é um projeto da Solar Coca-Cola, liderado pelo time de RH, que significa “Ação Para Inclusão no Trabalho e Esporte”. Voltado para pessoas com deficiência, tem 10 membros que são auxiliados com cursos técnicos e auxilio em práticas esportivas.